Etnocentrismo fotográfico

Captura de tela de 2014-07-26 11:37:06

É impressionante como vivemos num “etnocentrismo fotográfico”. Meus alunos, ao verem esta paisagem achavam que se tratava de Nova York, e não do Rio de Janeiro. Afinal, pra ser Rio tem que ter favela; assim como pra ser Cuba, Venezuela, México ou qualquer país africano, pelo menos uma imagem que represente pobreza é necessária !!!

Porque não mostrar as pessíma condições de vida em que vivem habitantes do Bahrein, Coréia do Sul; ou até mesmo os guetos estadunidenses?

Faço esta pergunta aos universitários !!!