Eu quero um documentário decente

Quanto era adolescente, e não dinheiro nem pra pegar um ônibus, um dos meu “grandes” sonhos era ter um tv por assinatura. Sempre via as propagandas dos famosos canais de documentários: Discovery, NAtGeo, History, entre outros. Achava que ali poderia ver filmes sobre a roma antiga, gênios da física e entrevistas sobre a segunda guerra.

Atualmente tenho todos e não assisto a nenhum. Acho interessante como todos são a iguais. Os mesmos programas, ideia, formato, tendo como única diferença o nome e os apresentadores.

É mais interessante para as mentes que comandam os canais mostrar bizarrices e superficialidades, do que algo que nos torne cidadãos mais críticos. Vale mais a pena exibir o adolescente de meia tonelada, ou o senhor com um tumor de não sei quantos quilos, do que trazer a tona debates que possam de forma concreta mudar para melhor a realidade de milhões de pessoas no mundo.

Massacre palestino, dívida externa impagável, terrorismo dos países tidos como “desenvolvidos”; nada disso entrar na pauta e é bem provável que nunca entrará. É melhor você ver um dono de antiquário barganhando e perdendo a cabeça em cima de dez dólares, ou quem sabe dois “engenheiros” fazendo experimentos  fraudulentos e que todos sabem que nunca deram certo.

A cada dia que passa eu fico com a certeza que tudo é incerto, até o passado …..

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s