GUERRA DAS RETÓRICAS, por Mateus Nikel

Gerson Varges dá mais uma grande aula neste vídeo intitulado A TAL CURA GAY.

Acho que as pessoas que divulgaram o vídeo do grande deputado INFeliciano, praticamente assumindo sua inocência retórica diante da PDC 234 (vulgo cura gay), deveriam além de ver, divulgar esta aula.

Bem lembrado meu caro Gerson a guerra de pseudo-nomes. A cura gay, nome vulgarizado pela “secularização” encontra sua irmão no Kit Gay dos “religiosos”.

Se tratando da PDC 234/2011 vamos à ela.

Esta PDC trata exclusivamente de:

Art. 1º Este Decreto Legislativo susta o parágrafo único do Art. 3º e o Art. 4º, da Resolução do Conselho Federal de Psicologia nº 1/99 de 23 de Março de 1999.

Art. 2º Fica sustada a aplicação do Parágrafo único do Art. 3º e o Art. 4º, da Resolução do Conselho Federal de Psicologia nº 1/99 de 23 de Março de 1999, que estabelece normas de atuação para os psicólogos em relação à questão da orientação sexual.

Art. 3º Este decreto legislativo entra em vigor na data de sua publicação.

 

LINK:http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra?codteor=881210&filename=PDC+234/2011

Que nada mais é do que :

Art. 3° – os psicólogos não exercerão qualquer ação que favoreça a patologização de comportamentos ou práticas homoeróticas, nem adotarão ação coercitiva tendente a orientar homossexuais para tratamentos não solicitados.

Parágrafo único – Os psicólogos não colaborarão com eventos e serviços que proponham tratamento e cura das homossexualidades.

Art. 4° – Os psicólogos não se pronunciarão, nem participarão de pronunciamentos públicos, nos meios de comunicação de massa, de modo a reforçar os preconceitos sociais existentes em relação aos homossexuais como portadores de qualquer desordem psíquica.

 

CFP N° 001/99 DE 22 DE MARÇO DE 1999, LINK :

http://site.cfp.org.br/wp-content/uploads/1999/03/resolucao1999_1.pdf

 

O que podemos ver é que em momento algum se diz que uma pessoa que se sente infeliz por ser homossexual fica proibida de receber ajuda psicológica. Os presentes artigos tratam da criminalização da patologia dos comportamentos ou práticas homoeróticas.

“No popular”, um especialista não pode dizer que uma pessoa é doente ou propor cura quando ela tem comportamentos ou práticas homoeróticas.

Aí é q entra a retórica INFeliciana:

Sustando esses artigos qualquer psicólogo pode ir ao meios de comunicação e dizer que pode “curar” quem sofre com “problemas gays”. Afinal, nada o impede de colocar isso em discussão. Na verdade impediria, mas quase sustaram judicialmente estes artigos.

Acabei tendo outra intepretação aqui meu caro Varges:

Caso um psicólogo passe em concurso público, ele poderia caso esta PDC seguisse para o Congresso, “curar gays” usando a máquina estatal. O que em outras palavras é Dogmatizar o Estado Laico.

100_3369

O que acho mais interessante é a justificativa no nosso deputado João Campos:

“O Conselho Federal de Psicologia, ao restringir o trabalho dos profissionais e o direito da pessoa de receber orientação profissional, por intermédio do questionado ato normativo, extrapolou o seu poder regulamentar.”

Proibir a patologização é extrapolar?

Ainda tem coisas piores, mas aconselho aos meus amigos lerem, afinal de contas prefiro falar sobre o vídeo.

Bem colocado Gerson que só psicólogos ligados a igrejas defendem esta PDC, oq como vc bem pontuou a transforma num projeto religioso e não de Direitos Humanos. Se a igreja cura esta doença, pra que a ajuda de psicólogos?

Eu atualmente me considero um cristão heterodoxo, tenho grande admiração pela teologia da libertação e sua escolha pelos pobres, mas infelizmente acho que as instituições muitas vezes se afastam dessa escolha. Aí entra a queridíssima Miriam Rios que poderia usar a canção nova pra ajudar os pobres e oprimidos no Brasil, mas infelizmente a ala carismática está no mesmo barco fundamentalista.

Creio que  o papel do cristão não é demonizar e nem criar um maniqueísmo mundo/igreja. Boff foi muito sábio quando disse que a igreja está dentro do mundo e não separada dele.

aaa

Parabéns pelo vídeo e tomara que se cria uma PDC aprovando a cura do fanatismo religioso !!!!

Anúncios

Um pensamento sobre “GUERRA DAS RETÓRICAS, por Mateus Nikel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s