Wolffinianas !!!

Hospedou-se no Copacabana Palace onde também estava o ministro. Fechou o negócio e foi pra piscina. Era a quinta-feira anterior ao carnaval e Brasília parecia estar toda distribuída entre piscinas, a pérgula o restaurante Bife de Ouro, a sauna e o Golden Room. Nunca tão poucos quilômetros quadrados abrigaram tantos ladrões, safados, corruptos, puxa-sacos, torturadores, cafetões e jornalistas de aluguel. O poder.

FAUSTO, Wolff; O Nome de Deus; Ed. Bertand do Brasil 1999; pg 15

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s